Voltar ao topo

Marceneiros cegos são exemplo de superação

Se mesmo de olhos bem abertos quem trabalha com madeira corre o risco de acidentes, imagine então se a gente não enxergasse!  Mas contrariando todas as expectativas, marceneiros cegos não só existem como também servem de exemplo de superação.

Funcionário de uma universidade nos EUA, Clay Gurganus perdeu a visão há 30 anos por conta de uma diabetes e escolheu a marcenaria como hobby. Mesmo cego aprendeu a mexer com madeira e adaptar as ferramentas para sua condição. "Ainda lembro do medo que senti pela primeira vez em que liguei uma serra elétrica", recorda-se. Mesmo assim foi em frente e, ao longo dos anos, aprendeu a fazer móveis, peças de arte e intrincados tabuleiros de xadrez. A admiração da comunidade pelo seu trabalho e dedicação o incentivou inclusive a abrir um negócio, a "marcenaria do cara cego".

"Trabalhar com madeira foi uma forma de superação, de enfrentar o medo que te impede de fazer as coisas e que te deixa incapacitado", define.

Video do Marceneiro cego

Clique Aqui e Assista o Vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=6KW-FcfnMbY
No Brasil, quem também dá esse exemplo é Joaquim Caetano de Deus. Cego desde os 13 anos devido ao sarampo, aos 17 passou a ajudar na serraria do pai, aprendeu carpintaria com os irmãos e desde então não parou mais. Aos 55 anos, mantém a marcenaria com a ajuda da esposa e filhos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

MDF Internos Duratex. Seu móvel lindo por dentro e por fora!

Chegou a nova coleção VIVA Duratex!

Dicas Gasômetro! APP REHAU com paleta de cores inteligente!

Dicas Gasômetro! Serra ideal para MDF miolo escuro!

Como montar uma marcenaria?

Dicas Gasômetro! A Serra de Widea ideal para a sua máquina!